[ editar artigo]

6 Dicas para conquistar clientes no Mercado da Beleza

6 Dicas para conquistar clientes no Mercado da Beleza

O setor de Beleza foi especialmente abalado pela pandemia de Covid 19. Porém, agora que a situação está mais branda, é hora de se fortalecer, conquistar novos clientes e recuperar o crescimento do negócio!

Separamos 6 dicas que vão ajudar você nessa empreitada.

1. Mire em um nicho de negócio

Se a região em que você atua (ou pretende atuar) já tem muitos salões "gerais", pode ser interessante focar em serviços específicos (existem, por exemplo, salões especializados em estética afro, ou em mechas, ou em determinados estilos de unha). Mas lembre-se de pesquisar se há demanda pelo serviço que você pretende focar.

Ainda nesse aspecto, é importante se manter atualizado, pois sempre há novas tendências surgindo no mundo da beleza. Vale a pena acompanhar veículos e influencers especializados na área e ficar de olho em oportunidades para o seu negócio.

2. Lembre-se do público masculino

Nos últimos anos vem crescendo a busca por serviços de beleza mais ligados ao público masculino – uma evidência disso é o aumento considerável de barbearias no Brasil. Para o público feminino, a procura sempre foi grande, mas, na hora de planejar seu negócio, não descarte a possibilidade de focar no masculino.

3. Aposte em produtos sustentáveis, orgânicos e/ou cruelty free

Ser ambientalmente responsável é, além de uma questão de consciência, algo que está sendo cada vez mais cobrado, especialmente nas décadas mais recentes. Uma tendência que ganha mais destaque a cada ano é a "cruelty-free" (ou seja, não realizar testes em animais para desenvolver seus produtos) – e marcas grandes, como The Body Shop, Natura e Granado conquistaram grande apreço por parte do público ao aderir à tendência.

Produtos menos agressivos ao meio ambiente, que tenham produção sustentável etc. também estão em alta. Além de ser bom para o planeta, investir nesse tipo de produto ajuda a fortalecer a marca. Naturalmente, é preciso ser sincero na adoção: ecologia de fachada não ajuda ninguém, e pode causar danos irreparáveis à marca.

4. Crie um cartão-fidelidade

Essa estratégia já tradicional não pode ficar de fora no setor de Estética e Beleza, justamente porque envolve serviços que, a princípio, são buscados periodicamente (afinal, um corte de cabelo, um serviço de manicure e uma limpeza de pele não duram para sempre).

O cartão-fidelidade oferece um incentivo extra para o cliente voltar, aumentando a probabilidade de (como o nome sugere) fidelização. Porém, é importante estipular um prazo de validade para o cartão, para que as próximas idas ao salão não sejam adiadas indefinidamente.

5. Muita atenção às normas de higiene e saúde na pandemia

Embora a princípio a fase mais crítica da pandemia tenha passado, não é momento de se descuidar. Saiba as normas de higiene e saúde da sua cidade, oriente seus colaboradores e cumpra tudo da melhor forma possível, para que seus clientes se sintam seguros e todos tenham a saúde preservada – o que nos leva à última dica.

6. Ofereça atendimento a domicílio

As restrições governamentais em relação à abertura de estabelecimentos levou muitas empresas a adotar o delivery como forma de preservar o atendimento. Isso vale também para serviços de beleza – algo que já se fazia antigamente, claro, mas de forma mais pontual (manicure e pedicure, principalmente). Para deixar os custos operacionais mais acessíveis, pode ser interessante fazer uma parceria com aplicativo (como o Bnyou e o Singu).

Gostou do conteúdo? Quer mais dicas? Diga nos comentários! Estamos sempre postando novos conteúdos aqui na comunidade.

 

Serviços de Beleza

Comunidade Sebrae
Maria Fernanda Miotto Reis
Maria Fernanda Miotto Reis Seguir

Uma meta sem um plano é somente um desejo.

Ler conteúdo completo
Indicados para você