[ editar artigo]

Como foi o faturamento do meu Espaço de Beleza

Como foi o faturamento do meu Espaço de Beleza

Nesse artigo quero esclarecer como os pilares da gestão empresarial pode contribuir no seu negócio, e como é necessário refazer estratégias quando nos deparamos com momentos de crise.

Isso acontece porque o ambiente externo está cada vez mais competitivo, deixando pouco espaço para erros. É preciso que o gestor tome boas decisões, baseadas em indicadores e uma visão completa dos diversos recursos disponíveis na sua empresa.

Vamos aos pilares da gestão eficiente.

1- Elaboração do planejamento estratégico

De uma forma bem simples: montar um plano para vencer uma batalha.

2- Indicadores de desempenho

Acompanhar periodicamente seus resultados, para identificar se seu esforço está te trazendo resultado. Listei alguns indicadores que podem fazer sentido para o seu negócio.

  • Percentual de lucratividade;
  • Taxa anual de crescimento;
  • Tusto de aquisição de cliente;
  • Tíquete médio por venda;
  • Nível de absenteísmo dos funcionários.

3- Controle financeiro

O controle financeiro é um assunto que sempre deve estar presente nas empresas. Controlar entradas e saídas são controles básicos e sem eles fica impossível ter informações sobre a saúde da sua empresa. Mas, não para por aí, controle de custo, demostração de resultados, formação de preço, compras de insumos, são controles complementares para analisar ajustes necessários na sua operação, que impactam diretamente no resultado final.

4- Organização Tributária

Toda empresa é uma pessoa jurídica e possui direitos e obrigações. Não deixe tudo na mão do seu contador, participe e tire suas dúvidas para entender o processo de arrecadação da sua empresa.

5- Gestão de Pessoas

A gestão de pessoas também deve ser eficaz , garantindo que tenham um desempenho adequado que propiciem o alcance dos objetivos desejados. Isso pode ser feito ao reconhecer e recompensar os profissionais pelo serviço bem realizado. Treine e capacite, isso é um trabalho contínuo.

6- Relacionamento com o cliente

A primeira obrigação de uma empresa é fazer clientes, a segunda é retê-los pelo maior tempo possível. Nesse sentido, é primordial oferecer um atendimento de qualidade, criar ações personalizadas e construir uma gestão centrada no cliente.

E para finalizar, não esqueça que empreender é criar, desenvolver, inovar, e se desafiar todos os dias.

Para materializar um pouco sobre esse assunto, assista esse vídeo onde Jack Simoneia apresenta as estratégias que utilizou para manter um faturamento durante a pandemia.

 

Participe da Comunidade Serviços de Beleza e fique por dentro do que está acontecendo.

Serviços de Beleza

Comunidade Sebrae
Maria Fernanda Miotto Reis
Maria Fernanda Miotto Reis Seguir

Uma meta sem um plano é somente um desejo.

Ler conteúdo completo
Indicados para você