[ editar artigo]

A cultura da Inovação na empresa familiar

A cultura da Inovação na empresa familiar

A história da Rio Verde Materiais de Construção iniciou no ano de 2000, a fundação da empresa deu-se através da aquisição da antiga e tradicional Casa Cheli, onde iniciou seus trabalhos com uma equipe de oito pessoas, sua atuação se limitava na comercialização de materiais básicos de construção.


Devido a sua flexibilidade e competência em se desenvolver acompanhando o mercado, buscando sempre atender as necessidades e expectativas do seu consumidor, a Rio Verde cresceu em estrutura física, credibilidade no mercado e conta hoje com aproximadamente 30 colaboradores, isto se dá ao fato de ter diversificado suas atividades para a prestação de serviço, materiais de acabamento, máquinas e ferramentas, decoração de ambiente e utilidades domésticas.

A hora da mudança

A Rio Verde obteve um crescimento ao longo do tempo, ampliando a oferta de produtos e atendendo as necessidades dos clientes. Neste período um dos maiores concorrentes na cidade fechou, direcionando os clientes para a Rio Verde. 


As vendas aumentaram muito e o espaço e a quantidade de funcionários precisaram ser ampliados, a parte administrativa e contábil da empresa também sofreu mudanças, pois não havia mais o total controle de todos os produtos que entravam e saiam da empresa, por isso foi desenvolvido uma contabilidade interna para avaliar esse crescimento da empresa de perto auxiliando os empresários na tomada de decisões.

Driblando a concorrência
 
 Ao longo dos anos várias empresas do ramo de construção se formaram, criando assim diversos concorrentes, brigando pelo melhor preço e pelo seu diferencial no mercado. Porém, a Rio Verde sempre foi a opção preferencial no mercado de material de construção na cidade de Fraiburgo, graças ao atendimento acolhedor, possuir a opção do autoatendimento, formas facilitadas de pagamento e a parceria com engenheiros e pedreiros.
Mas como em qualquer outra empresa a inovação precisa ser constante, pois o cliente busca novidades, facilidades e atendimento diferenciado, foi através desta necessidade que o programa ALI do Sebrae conseguiu aplicar a inovação na empresa auxiliando no crescimento e, principalmente, driblando a concorrência.

Inovação em ação

Com a ajuda do agente Local de Inovação, o interesse da empresa em mudar e também com a disponibilidade de tempo do funcionário que auxiliou no desenvolvimento das ações, foi possível aplicar diversas ideias que estavam paradas e algumas esquecidas com o intuito de aumentar as vendas, faturamento e, principalmente, movimentar o estoque que estava desatualizado das tendências e ocupando um espaço enorme dentro da empresa.

Com isso, foi desenvolvido um plano de marketing com ações para as datas comemorativas da empresa, onde foi relacionado estratégias, objetivos, e quem executaria. Através deste plano foi possível identificar diversas falhas e pontos de melhorias na divulgação do produto, no atendimento e também da necessidade da organização do tempo dos colaboradores.


Uma das ações desenvolvidas no mês de abril/2016 foi em um sábado pela manhã, onde foi oferecido um café da manhã na empresa para os clientes, foi ligado para os cadastrados, enviado e-mail e divulgado nas redes sociais. O convite não era apenas para um simples café, mas para uma troca de informações entre diversos grupos e sem nenhum custo. Foi um sucesso, pois o objetivo era trazer o cliente para a empresa, mas não apenas para efetuar compras na correria e sim disponibilizar um tempo para descansar, degustar um café e também conversar.


 Neste mesmo mês iniciou o 1º feirão da cerâmica, também citado entre as ações no plano de marketing, esta ação visa aumentar as vendas do produto que fornece maior margem de lucro para a empresa e eliminar com o estoque parado. Foi fechado parceria com fornecedores para a compra em grande escala e, consequentemente, com preço menor a ser repassado ao cliente. O que estava sem movimentar o estoque foi vendido a preço de custo e gerava maior comissão ao colaborador, como as vendas foram um sucesso na metade do mês obteve a necessidade de compra de mais cerâmica, pois o estoque previsto para a feira não foi suficiente devido à grande procura.


O aumento no faturamento do mês de abril foi de 15,89% comparado com o ano anterior, sendo que nos meses anteriores o faturamento havia sido igual ou abaixo dos anos anteriores. A página do Facebook também obteve aumento em curtidas/seguidores, passou de 530 para 1312 até o momento. Tal fato devido a um planejamento e ao relacionamento que mantém com os seus clientes.

Valorizando as pessoas
 
 A preocupação da Rio Verde com o cliente e com o crescimento da empresa é real e necessário, mas tudo isso só é possível com a equipe de colaboradores esforçados e dedicados que realmente “vestem a camisa”, por isso a Rio Verde incentiva as pessoas a agregar valor ao seu trabalho, valorizando a multifuncionalidade e favorecendo a consolidação da sua imagem junto aos seus colaboradores e à sociedade, com treinamentos constantes, salário diferenciado, comissões, bonificação, trabalho em equipe e o melhor sem o controle do horário, cada um é responsável por cumprir sua jornada, deixando o funcionário mais à vontade sem regras e cobranças. Por incrível que pareça as faltas diminuíram e os mesmos trabalham mais motivados, o que gera um aumento na produtividade.

E o futuro?

 A Rio verde não pensa em parar, ainda há muitas ações a serem executadas desde o grupo de inovação com os colaboradores, desenvolvimento de uma nova vitrine, mudança na fachada e entre outros. A inovação tem que continuar e ser constante com metas e planejamento, tudo isso para aqueles que querem se destacar e ter seu diferencial, não basta apenas ser o melhor hoje, tem que ser o melhor sempre. 


 

Clube Sebrae
Lediane Pagno
Lediane Pagno Seguir

ALI - Sebrae - CNPQ

Ler matéria completa
Indicados para você