[ editar artigo]

4 sinais de que você precisa controlar melhor as finanças da empresa

4 sinais de que você precisa controlar melhor as finanças da empresa

O controle das finanças da empresa é uma daquelas atividades que não ganham muita visibilidade, mas estão na base de um bom desempenho. Você pode ter um produto de qualidade, uma equipe comercial afiada, um marketing impecável e, ainda assim, se o controle das finanças apresentar problemas, a lucratividade vai ser prejudicada.

É por isso que você deve estar atento aos sinais de que precisa controlar melhor as finanças da empresa. Para ajudá-lo, preparamos uma lista com alguns desses sinais. Descubra quais são e fique de olho neles!

1. As contas da empresa não podem ser pagas na data de vencimento

Se as contas da empresa são frequentemente pagas com atraso porque, na data de vencimento, o valor necessário não estava disponível, fique atento. Isso é um claro sinal de que o fluxo de caixa não está sendo controlado como deveria. 

cartões de crédito

fluxo de caixa é uma das principais ferramentas de controle financeiro da empresa. Ele registra as entradas e saídas de dinheiro, permitindo saber quanto estará disponível em um determinado momento. Por isso, precisa ser consultado antes de realizar compras e assumir compromissos financeiros.

Não se esqueça de que, se a empresa não tem caixa para pagar uma conta na data certa, terá de arcar com juros e multas que aumentam seus custos. O prejuízo é visível.

2. Você não sabe realmente o que compõe cada categoria de custos

Na hora de fazer relatórios financeiros, você certamente agrupa custos em categorias, porque não seria mesmo viável enumerar item por item. Porém, será que você sabe o que compõe cada uma dessas categorias? Esse pode parecer um detalhe sem importância, mas não é.

Por exemplo, pense na categoria de custos “material de escritório”; dentro dela, você tem de tudo, desde papel e toner de impressora, até café e sachês de açúcar. Cada um desses elementos tem um peso no valor total atribuído a categoria e, se você não souber qual é, não terá condições de tomar decisões importantes sobre o controle dos gastos da empresa.

Assim, mesmo que não seja possível criar um relatório financeiro muito detalhado, você ainda precisa entender as categorias de custos para controlar melhor as finanças da empresa.

3. Você não tem certeza de onde termina o dinheiro da empresa e onde começa o seu

Nos pequenos negócios, é muito comum observar que as finanças da empresa e pessoais se misturam. Isso é um problema, tanto para a contabilidade quanto para a própria saúde financeira do negócio. Você pode estar tirando da empresa para uso pessoal recursos que vão fazer falta em pouco tempo, e nem percebe que está ultrapassando os limites.

carteira no bolso

O primeiro passo para resolver a situação é determinar um valor fixo para o seu pró-labore. Ele é como o salário do empreendedor. Isso resolve um dos lados do problema, que é a retirada de dinheiro da empresa para seu uso pessoal. O segundo passo é parar de pagar contas da empresa (mesmo que bem pequenas) com seu próprio dinheiro. Todos os gastos de um negócio precisam ser cobertos com o capital do próprio negócio. Do contrário, você está apenas mascarando o fato de que ele não produz receita suficiente para se manter.

4. Você não sabe exatamente quais clientes estão devendo

Se você não consegue citar os nomes dos clientes que estão devendo para a sua empresa, esse é um forte sinal de que precisa controlar melhor as finanças da empresa. Lembre-se de que a inadimplência é um dos fatores que mais afetam a saúde financeira do negócio. Você não pode contar com o dinheiro de um pagamento que vem do cliente inadimplente, então, todas as suas contas precisam ser revistas.

Fique atento, pois não basta saber quais são os clientes inadimplentes. É preciso, também, identificar o risco de que eles tornem-se insolventes, isto é, incapazes de pagar a dívida. Nesse caso, o seu dinheiro dificilmente será recuperado, mesmo com intervenção judicial. 

E então, quais desses sinais você identifica no seu negócio? Agora que você sabe o que eles significam, aproveite a oportunidade para implementar melhorias no seu controle financeiro. 

Clube Sebrae
Jéssika Tristão
Jéssika Tristão Seguir

Administradora e apaixonada por empreendedorismo. Analista de marketing no Sebrae ES. Entusiasta de inovação e colaborativismo.

Ler matéria completa
Indicados para você