5 dicas para ter uma oficina mecânica de sucesso
[editar artigo]

5 dicas para ter uma oficina mecânica de sucesso

O mundo mudou e os consumidores também. A forma como usamos os serviços de uma oficina mecânica é muito diferente de alguns anos atrás. Hoje, os empresários do setor de reparação automotiva encontram dois grandes desafios:

1 - Manter-se atualizado diante de tecnologias que evoluem rapidamente.

2 - Fazer uma gestão exemplar do negócio com muita transparência

Quem aponta esses desafios é José Paulo Albanez, consultor do Sebrae-SP e especialista no segmento. “Antes de ser um mecânico, você é um empresário. Portanto, precisa ter controle financeiro, organização e planejamento”, alerta.

Crise é sinônimo de oportunidade

Apesar da turbulência econômica que o Brasil tem enfrentado, o setor de reparação automotiva tem se saído bem, segundo Albanez. “Como as vendas de carro zero km estão em baixa, as pessoas acabam gastando mais com manutenção e/ou comprando um seminovo - e é basicamente por isso que a demanda das oficinas mecânicas está em alta”, explica.

Mas isso não significa que o mercado esteja fácil. A competição é cada vez mais acirrada. “O empresário tem que aproveitar esse momento favorável para se aprimorar, investir e se preparar para os desafios”, pontua o consultor.

Quatro dicas fundamentais para empreender no setor de reparação automotiva

1 - Faça um planejamento detalhado do seu negócio.

2 - Controle muito bem as suas despesas.

3 - Treine sua equipe periodicamente.

4 - Tenha em mente que o pós-venda pode ser sua melhor ferramenta de vendas.

Prepare-se para ser um mecânico e um gestor extraordinário

É claro que para empreender no segmento é fundamental ter conhecimento técnico. Mas não se preocupe em apenas ser um grande mecânico. Você precisa ser um gestor. Para isso, é fundamental seguir à risca as quatro dicas anteriores (que Albanez detalha no vídeo que está no fim deste artigo). “Você pode contar com a ajuda do Sebrae para criar um plano de negócios, para aprimorar o planejamento, para obter dicas de marketing, gestão de pessoas e treinamento para a equipe. A verdade é que você precisa ter uma postura proativa para vender mais. Não dá pra esperar o cliente voltar magicamente”, orienta.

Dê uma atenção especial às mulheres

Aquela imagem do passado de oficinas mecânicas repletas de pôsteres de modelos na parede ficou para trás. “As mulheres são independentes e estão levando seus carros para arrumar. Logo, as oficinas precisam estar preparadas para atendê-las com respeito”, alerta Albanez. Os empresários mais atentos estão criando espaços para elas dentro de suas oficinas. E você?

Delegue atividades e compartilhe conhecimento com sua equipe

Por fim, o consultor faz um alerta aos empresários centralizadores. Delegar é palavra de ordem para quem quer se destacar. “O mecânico empreendedor precisa ter uma postura de equipe. Não pode ser o centralizador das ações da oficina. Precisa dividir o conhecimento - que, aliás, é cada vez mais amplo. A tecnologia trouxe muitas novidades que não permitem que todos saibam de tudo. Temos muitos equipamentos diferentes para várias finalidades dentro das oficinas. Portanto, é crucial ter um bom time e não ter medo que o funcionário seja um concorrente amanhã. Se amanhã ele vier a ser um competidor, veja isso com bons olhos. Será mais alguém no mercado para trocar ideias, conhecimento e crescer junto”, finaliza Albanez.

Quer saber mais? Assista ao vídeo em que José Paulo Albanez dá dicas importantes para você que atua no segmento automotivo.

Clube Sebrae
João Guilherme Brotto
João Guilherme Brotto Seguir

Sou um jornalista curioso que descobriu que viajar é uma valiosa fonte de boas histórias. Aqui no Sebrae, meu objetivo é contar histórias inspiradoras sobre empreendedorismo, marketing, vendas, inovação e tendências a partir do que vejo pelo mundo.

Continue lendo
Indicados para você