[ editar artigo]

Anúncios no Google para pequenas empresas? Entenda porque o Adwords funciona para pequenos negócios

Anúncios no Google para pequenas empresas? Entenda porque o Adwords funciona para pequenos negócios

É comum escutarmos que grandes empresas investem milhões por mês em anúncios no Google. Uma vez que elas procuram estar sempre onde seu público está, sabem da importância que o Google exerce em seus negócios. Mas, de maneira alguma, isso significa que Google Adwords não é "pro bico" de pequenas empresas!

Assim como uma multinacional anuncia no mundo inteiro, você, com sua pequena empresa regional, pode anunciar na sua cidade, e até mesmo no seu bairro!

O Google tem espaço para os mais variados portes de empresa, e, mesmo que seu orçamento seja limitado, você pode aumentar suas vendas e chamar mais clientes até sua loja.

Quer saber porque seu pequeno negócio pode, e deve, anunciar no Google? Neste texto eu listo alguns motivos que vão te mostrar o potencial dessa ferramenta de marketing digital, mesmo com baixos orçamentos.

1 - Atingir quem está procurando por você

As pessoas utilizam o Google para buscar todo tipo de informação, e com a popularidade dos smartphones, elas fazem isso a todo momento, em todo lugar. Por isso, buscas como "lavanderia no centro", "encomenda de bolo em Maringá" ou "estacionamento 24h" têm se tornado cada vez mais comuns.

Se sua empresa conseguir ser encontrada exatamente no momento em que o cliente está precisando do que você oferece, a probabilidade dele entrar em contato com você será enorme! A qualidade do público que você atinge com o Google é muito alta, pois a pessoa já tem interesse e, melhor ainda, a intenção de comprar. Tudo o que você precisa fazer é se mostrar presente.

2 - Orçamento maleável

Um fator muito positivo dos links patrocinados no Google é que você tem total controle sobre o valor que você vai investir. Você pode optar por palavras-chaves que sejam menos concorridas, quanto mais específico for o termo, menor será o preço e maior será a chance de você atingir o público ideal para seu negócio.

E não existe um contrato, então a partir do momento que você usou a verba que estava programada, você pode pausar a campanha e retomar quando quiser investir mais. Existe ainda a possibilidade de controlar o investimento por dia, e escolher por quantos dias você quer que a campanha fique no ar.

3 - Visibilidade em várias regiões

Por meio de ações de SEO, ou seja, otimização para mecanismos de busca, é possível conseguir um lugar de destaque nas buscas do Google de forma gratuita, é o que chamamos de ranqueamento orgânico.

Mas o ranqueamento orgânico não é algo fácil de se conseguir, geralmente exige tempo, esforço, e sua empresa vai aparecer na sua cidade, com determinada palavra-chave. Se você quiser aparecer nas cidades vizinhas, ou com outros termos, o Awords te permite isso de maneira fácil e imediata.

Você tem a possibilidade de criar várias campanhas, com diversas palavras-chave que serão exibidas na localização que você escolher. Por exemplo, se sua empresa faz eventos em Curitiba e região metropolitana, o Adwords permite que seu site tenha destaque quando buscado por "buffet para casamentos em Curitiba", "organização de formatura", ou "eventos corporativos em São José dos Pinhais".

Apesar de ter um custo um pouco mais elevado do que outras ferramentas de anúncio como o Facebook ou o Instagram, o Adwords é um "um tiro certeiro", pois atinge quem tem intenção de comprar naquele instante.

Ainda não tem um site, não investe em mídias online e quer começar? Entre em contato com o Elefante Verde/Hubify! Ajudamos micro e pequenos empresários a se posicionarem na internet.

Curitiba: Rua Santa Catarina, 65, sala 1211B - Água Verde | (41) 3039-5123 ou (41) 99740- 7051

Londrina: Rua Paranaguá, 655 - Centro | (43) 3020-3373 ou (43) 99863-7485

Maringá: Rua Piratininga, 808 - Zona 01 | (44) 4141-5789

Clube Sebrae
Thaís Verdério
Thaís Verdério Seguir

Analista de Marketing na empresa Evolução Digital - Consultoria, treinamentos e marketing digital para microempresas, autônomos e MEIs.

Ler matéria completa
Indicados para você