Como fazer marketing com pouco dinheiro?
[editar artigo]

Como fazer marketing com pouco dinheiro?

Fazer marketing de maneira barata não é fácil, afinal tudo é mais fácil com bastante dinheiro, não é mesmo? Apesar de não ser fácil é possível e pode ser muito efetivo, inclusive mais efetivo que campanhas feitas com bastante investimento.

Eu vejo dois grandes caminhos para fazer marketing com pouco dinheiro:

Marketing de Guerrilha:

Esta estratégia surgiu nos Estados Unidos e um dos estudiosos mais reconhecidos como sendo seu criador é Jay Conrad Levinson. O nome surgiu com base no que aconteceu na Guerra do Vietnã, apesar do grande poderio militar dos americanos os vietnamitas foram vitoriosos usando táticas de guerrilha em que se movimentavam rápido e conseguiam ocupar pequenos espaços para as suas ações de guerra. O mesmo conceito é aplicado para o Marketing, uma empresa de pequeno porte pode agir rápido e ocupar espaços de visibilidade no seu mercado em que as grandes tem dificuldade para atingir. Quer um exemplo?

Se você tem uma pequeno loja de eletrodomésticos e acontece uma feira em alguma rua do seu bairro, você pode fazer uma panfletagem próximo a feira divulgando uma oferta de liquidificadores e espremedores de frutas válida para aquela semana. Estes produtos tem tudo a ver com quem está comprando frutas, não é verdade? Assim você estará atingindo pessoas que precisam do produto que está vendendo e além disso moram perto da sua empresa, investimento um valor bem baixo, ainda mais se comparado ao investimento em uma mídia de massa (radio, tv e jornal) onde você está pagando para atingir um publico enorme em que apenas uma minuscula parcela poderia ter algum interesse.

Existem muitas ferramentas e técnicas para fazer marketing de guerrilha, se quiser conhecer estas ferramentas curta este artigo, ok? (estou fazendo marketing de guerrilha ;)....rsrs)

Marketing Boca a Boca:

Inúmeras pesquisas demonstram que as pessoas acreditam muito mais que um produto ou serviço é bom quando alguém que conhecem indicam, em vez de quando vêem anúncios destes mesmos produtos. O nosso trabalho então é promover as indicações espontâneas dos nossos clientes, existem muitas técnicas para fazer isto, uma delas é a seguinte: Saiba que as pessoas gostam de contar fatos interessantes para seus amigo, então identifique uma curiosidade interessante sobre a sua empresa ou sobre um produto/serviço que você oferece e simplesmente deixe que os seus clientes saibam desta curiosidade.

Por exemplo: Você sabia que a maior rede de franquias de bolos do país começou abrindo uma "portinha" e tendo com um de seus principais produtos uma bala que a empreendedora aprendeu a fazer assistindo um programa de TV? Histórias como esta são compartilhadas e a marca vai ficando cada vez mais conhecida, mais clientes vão até as suas loja e hoje consegue fazer com que a apresentadora do programa seja sua garota propaganda.

Promover o marketing boca a boca ficou tão importante que já existe até uma Associação Brasileira de Marketing Boca a Boca, é a ABRABOCA, você sabia disso?

Veja um outro exemplo de ação de baixo custo que gerou um excelente boca a boca:

Um restaurante espalhou conchas gigantes na praia (veja que novamente reforço a questão de que o marketing bom e barato é aquele que fala para quem é seu público) próxima ao estabelecimento. E quando as pessoas abriam as conchas viam um cartão escrito: "Procurando por frutos do mar? - Nome e endereço do restaurante". Genial, não é?

Se gostou deste artigo, de uma olhada também no meu site franqueador.com

Se quiser conhecer várias técnicas para fazer a sua empresa estar na boca de seus clientes, curta este post e continuarei trazendo novidades.

Erlon Labatut
Erlon Labatut Seguir

Consultor Franquias - FRANQUEADOR.COM

Continue lendo!

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso
aos conteúdos exclusivos.

Entrar
Indicados para você