[ editar artigo]

Dicas para apostar no Empreendedorismo Sustentável

Dicas para apostar no Empreendedorismo Sustentável

Sustentabilidade é uma das palavras de ordem da atualidade. Ela se aplica em todos os setores. Da produção industrial aos novos projetos de empreendedorismo. A preocupação ambiental tem sido tema de debate recorrente e quem não consegue se adaptar está perdendo espaço no mercado.

Falar sobre empreendedorismo sustentável é algo novo. Mesmo pelo fato do conceito de "empreender" ter sido bastante difundido no Brasil nos últimos anos, acrescentar questões de sustentabilidade ainda não estava diretamente relacionada a isso. Porém, a "onda sustentável" precisava chegar ao olhar empreendedor. E isso vem acontecendo.

Mas o que define um empreendedorismo sustentável? Podemos dizer que se refere a negócios que visam a obtenção de lucro utilizando recursos sociais e ambientais de forma responsável, sempre realizando seus processos de trabalho sem agredir a natureza e o meio ambiente.

É um novo nicho dentro do empreendedorismo. Encaixa-se perfeitamente no que diz respeito ao fato de empreender ser associado a inovações e a responsabilidades sociais. Além de criar um negócio para resolver e/ou solucionar uma problemática, agora, empreender também serve para ajudar a desenvolver métodos de trabalho que tenham consigo consciência ambiental

Características de um negócio sustentável

A ação prática de uma empresa sustentável pode acontecer de diversas formas. Desde atos mais simples, como a utilização de folhas feitas em materiais recicláveis e a diminuição do uso do papel até a outras medidas consideradas mais complexas como a implantação de uma política de preocupação ambiental dentro da empresa.

A seguir listamos atitudes que sua empresa pode tomar para se enquadrar no conceito de empreendedorismo sustentável:

• Não utilizar materiais que propiciam o acúmulo de lixo, como copos descartáveis. Se cada funcionário tiver utensílios laváveis próprios, isso contribuirá para reduzir a quantidade de lixo criada diariamente, ajudando não somente a reduzir os gastos operacionais, como também a natureza;

• Em empresas é comum o consumo de água ser altíssimo, principalmente porque não há o cuidado de funcionários com as torneiras, por exemplo. Espalhar avisos sobre a importância de economizar e preservar a água é uma alternativa para tornar a empresa cada vez mais sustentável;

• É inevitável, em tempos cada vez mais tecnológicos, usar computadores, tablets e outros aparelhos eletrônicos. Isso está diretamente ligado ao consumo de energia elétrica. Para diminuir gastos e aproveitar melhor o meio ambiente, incentive o uso consciente das máquinas (modos de economia de energia), bem como proporcione um ambiente onde a luz do sol possa ser aproveitada ao máximo.

• Promover a coleta seletiva de lixo, disponibilizando cestas para cada tipo de material é algo que os estabelecimentos podem adotar de forma muito simples. Como já dito, empresas costumam acumular muito lixo, então descartá-los, de forma responsável, ajuda na conscientização sustentável.

• Existem diversas leis ambientais voltadas para as empresas. As principais são: Lei 9.605/1998, a Lei dos Crimes Ambientais e a Lei 12.305/2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Respeitá-las é fundamental para que a empresa seja sustentável.

Importância da sustentabilidade

Como dito no início desse artigo, preocupar-se com o meio ambiente é algo que tem sido recorrente em todos os setores da vida. Mais do que isso, deve ser uma obrigação de todos os seres humanos com o ambiente onde vivemos. Afinal de contas, se não preservarmos a natureza, que nos fornece tantos recursos essenciais, estaremos diminuindo nosso próprio tempo de vida.

Nesse sentido, a sustentabilidade é fundamental. Agir de forma sustentável significa saber aproveitar os recursos naturais de forma não agressiva, sem exageros. Aproveitar o suficiente para que possamos suprir as necessidades e ainda preservar o meio ambiente.

Sustentabilidade também é significado de responsabilidade. Se esgotarmos os recursos agora, o que será das gerações que virão pela frente? É muito importante adotar atitudes de preservação, pois isso nos ajuda até a pensar de forma diferente sobre o mundo que vivemos.

Ao trazer o conceito para os negócios, podemos ir além da preocupação ambiental e conseguir pensar em negócios que já sejam voltados para a consciência social. Empresas sempre tiveram suas imagens ligadas à degradação da natureza, pois exploram ao máximo os seus recursos. O empreendedorismo sustentável serve para desconstruir essa visão negativa e mostrar que é possível produzir, gerar lucro e trabalhar sem necessariamente ser irresponsável com o meio ambiente.

Dicas para colocar em prática o pensamento sustentável na empresa

Como diz o ditado, "falar é fácil, difícil é fazer". Muitas empresas pintam uma imagem de preocupação ambiental que, na prática, não cumprem. No entanto, é possível empreender com responsabilidade sustentável. Se você quer saber como aproveitar da melhor forma possível essa tendência, confira as quatro dicas a seguir.

1 - Especialização: por não estarem acostumadas a desenvolver trabalhos sustentáveis, muitas empresas, mesmo com boas intenções, não conseguem por em prática esse pensamento. É preciso conhecer o que é sustentabilidade, estudar os conceitos, se especializar. Só assim será possível tomar atitudes em prol da consciência ambiental.

2 - Conscientização: uma vez que a empresa já sabe os conceitos de empreendedorismo sustentável, esclarecer os funcionários é necessário. Promover debates e palestras sobre a importância de preservar o ambiente de trabalho, economizar energia, evitar gastos desnecessários de papel e outros materiais, além de criar uma inspiração que fará com que as próprias pessoas sintam prazer em pensar de forma sustentável seus modos de agir e viver.

3 - Valorização: além de conscientizar didaticamente, outra alternativa para por em prática a sustentabilidade dentro do ambiente de trabalho é criar motivação. Criar desafios, jogos interativos e, até oferecer premiações para quem tiver mais atitudes sustentáveis no mês são formas de valorizar a consciência social e ambiental no ambiente da empresa.

4 - Investimento: investir na criação de uma política ambiental é muito importante. Isso começa desde a compra de equipamentos menos agressivos à natureza até a mudança na forma da empresa trabalhar. Há procedimentos sustentáveis e ecologicamente corretos que podem desempenhar de forma satisfatória e suprir as necessidades do negócio.

Empreender com sustentabilidade pode ainda ser considerado um conceito novo, mas cada vez mais vem sendo adotado por novos empreendedores e pelo mercado de forma geral. Quem já inicia o seu negócio pensando em responsabilidade social, dá passos importantes para contribuir com o meio ambiente e com a formação de novos métodos de trabalho.

O que você acha sobre o empreendedorismo sustentável? Deixe a sua opinião nos comentários!

Clube Sebrae
Heider do Nascimento Mota
Heider do Nascimento Mota Seguir

Jornalista em formação, redator desde 2015. Um jovem em constante aprendizado que usa as palavras para passar suas mensagens.

Ler matéria completa
Indicados para você