{{ warning.message }} Ver detalhes
Livre-se da crise - 7 passos para seguir em 1 semana
[editar artigo]

Livre-se da crise - 7 passos para seguir em 1 semana

"Empreender é viver na incerteza."

A crise econômica trouxe um cenário cheio delas, e parece que a única certeza é que algumas coisas precisam ser revistas. Este conteúdo, que inicialmente estava em formato ebook, compila 7 importantes aspectos que você precisa rever na sua empresa. Se você trabalhar com cada um destes aspectos por dia, no final de 1 semana você terá feito uma grande revolução na sua empresa.

1- Diferenciação:

São muitas pessoas fazendo as mesmas atividades e com resultado final semelhantes. Isso faz com que empresas acabem concorrendo basicamente pelo preço. A dica é: busque diferenciação.

O consultor Erlon trouxe duas dicas muito legais de como empresas do varejo conseguem se diferenciar e sair da guerra de preço. Recomendo a leitura

Dica para Confeitarias direto de Paris

Lojas que conseguiram personalizar - direto de Londres

Pense em como - por meio de suas experiências, suas habilidades, sua formação - você pode oferecer um produto ou serviço único. Qual a sua especialidade? Dentro do seu ramo de atuação, no que você se destaca?

Você já ouviu falar na teoria do "Oceano Azul"? Recentemente lançamos um material explicando como você pode aplicar estratégias que façam você nadar em águas distantes da sua concorrência. Para saber mais baixe o ebook abaixo.

2- Invista na comunicação:

Esse é um excelente momento para montar um plano de comunicação. Toda empresa precisa de esforços para chegar até os seus clientes. Invista um tempo para conhecer como alcançar os seus. Comece por estudar estratégias de Marketing Digital. A pesquisa ZMOT (Zero Moment of Truth) do Google mostra que a decisão de compra está em sua grande parte no ambiente online. Existem meios pagos e não-pagos de comunicar seu negócio na internet. O melhor de tudo é que o marketing digital é muito mais passível de se mensurar, o que no fim das contas pode significar ações mais eficientes.

3- Redução de despesas:

Em uma pesquisa recente com empresários do Varejo, realizada pelo Sebrae/PR, mostrou que 23% deles afirmaram ter planos de adotar medidas para a redução de custos como água, luz, aluguel, em 2016. Assim como estes empresários, você pode querer fazer o mesmo. Por isso o Sebrae selecionou algumas dicas sobre este aspecto:

Faça um levantamento e avalie quais são os principais custos de sua empresa. Assim você saberá o que é gasto obrigatório e o que é supérfluo.

________________________________________________

Opte por terceirizar a mão de obra que não é atividade-chave para seu negócio. Isso te trará redução em processos e folha de pagamento.

________________________________________________

Planeje o melhor regime tributário para o seu negócio, evitando gastos desnecessários.

Pode fazer muita diferença!

4- Produtividade

Tempo é o recurso mais valioso para sua empresa. Você pode ganhar eficiência em 3 níveis. É importante que você avalie possibilidades de melhoria nos 3 níveis de produtividade

5- Capacite-se

Uma consequência de uma crise é a seleção natural daqueles que estão melhores preparados. A capacitação é, portanto, diferencial em tempos de crise. Qualificando-se, o empreendedor se diferencia dos concorrentes e ganha eficiência. O Sebrae oferece diversos cursos para aprimorar habilidades empreendedoras. Visite a loja virtual.

Lembre-se que o conhecimento não precisa ser restrito à sua atividade/segmento. As aulas de tipografia que Steve Jobs teve enquanto cursava a faculdade foram fundamentais para o design da Apple.

6- Avalie o mercado:

Pense em ofertar produtos e serviços complementares e que atraiam a atenção do consumidor. Para se inspirar nessa busca pela expansão dos horizontes, assista as histórias que publicamos no Youtube. São 5 histórias de empreendedores, que diante da crise, precisaram entender as mudanças do mercado para achar formas de se reinventar.

Quero assistir a série agora!

7- Fidelização de clientes:

Um dos caminhos para livrar-se da crise é tornar clientes fiéis. Tem várias iniciativas que você pode levar em conta com o objetivo de fidelizar clientes. Lembre-se que fidelização é fruto de relacionamento. E relacionamento requer conversa. Estimule que você e seus funcionários conversem e entendam as necessidades de seus clientes e o que faz com que eles retornem.

Avalie se tem pequenos incrementos no atendimento, que não tem muito custo para seu negócio, mas aos olhos do cliente, valorizam o serviço prestado.

O jeito Disney de Encantar Clientes:

Esse é um livro que com certeza vai te inspirar no assunto fidelização de clientes. Vale a pena!

COMPARTILHE
Matheus dos Santos

Matheus dos Santos

Consultor - Sebrae

Fique informado sobre as novidades da comunidade
Cadastre-se aqui
Gostou desse artigo? Escreva o seu também!
Novo post

Artigos relacionados