[editar artigo]

Meu amigo perdeu dinheiro com uma franquia, quais erros se deve cometer nessa escolha?

Você pode perder dinheiro se comprar a franquia errada! Recentemente pude acompanhar mais um trágico caso.

É importante lembrar que se investir em franquias, se faz um investimento de risco, e você pode perder dinheiro, pois poderá haver uma mudança no mercado como, por exemplo, a entrada de um concorrente ou até mesmo a diminuição de demanda por um produto ou serviço.

O caso que acompanhei não se tratava de nenhuma dessas situações, mas de uma empreendedora que investiu e perdeu mais de R$60.000,00 por não analisar detalhadamente que tipo de Franqueador ela havia escolhido. No caso uma franquia mal estruturada que não deu a ela o suporte e a estrutura necessária para ganhar dinheiro com o negócio.

Para que você não passe pelo mesma tragédia, seguem alguns pontos importantes na escolha do franqueador:

1) Verifique quantas franquias já existem no mercado: caso o franqueador já possua vários franqueados, é possível que ele esteja mais preparado. Se ele não tem nenhum franqueado, isso não quer dizer que a franquia é ruim, mas é um modelo ainda não testado.

2) Conheça alguns franqueados: sempre digo a meus clientes que a melhor maneira de vender 100 franquias é conseguir com que os 10 primeiros franqueados estejam satisfeitos. Ligue e visite alguns franqueados e pergunte a eles sobre a sua relação com o franqueador e como percebe a real viabilidade do negócio.

3) Circular de Oferta de Franquia e Contrato: todo o franqueador deve fornecer esses documentos obrigatoriamente a quem ele deseja como franqueado. Nesse documento, todas as regras do negócio devem estar claras. Por lei, o Franqueador não deve fechar nenhum contrato de franquia com prospects que não avaliaram a COF pelo prazo mínimo de 10 dias.

4) Tire todas as Dúvidas e Ajuste o Contrato: aquilo que você não entender pergunte ao franqueador até ficar tudo claro, aquilo que não está claro no contrato ou não é do seu acordo deverá ser modificado antes da assinatura e do pagamento de qualquer taxa, para que não vire uma "dor de cabeça" posterior.

5) Peça Ajuda Quando Necessário: se você não tem segurança na decisão em que vai tomar, consulte um especialista, afinal é o seu dinheiro e o seu sonho que estão em jogo!

Leandro Krug
Leandro Krug Seguir

Especialista em Franquias e Consultor de Varejo Empresário do Varejo com operações em Shopping Center Professor de Pós Graduação há 10 anos

Continue lendo!

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso
aos conteúdos exclusivos.

Entrar
Indicados para você