[ editar artigo]

Networking descomplicado: como criar conexões realmente relevantes?

Networking descomplicado: como criar conexões realmente relevantes?

Sem dúvida alguma, ninguém consegue construir uma sólida carreira no mercado de trabalho se atuar sozinho. O profissional, inevitavelmente, terá que contar com a ajuda de amigos, conhecidos e colegas de trabalho para conseguir alcançar suas metas. E é exatamente aqui que entra uma ferramenta fundamental para o sucesso: o networking.

O networking pode ser considerado como um fator chave em momentos críticos para o profissional como, por exemplo, as situações de mudança de emprego, conquista de novas oportunidades ou o crescimento dentro da organização onde desempenha suas funções.

A seguir, listamos algumas das melhores práticas que podem ser seguidas por profissionais que querem construir um networking sólido e eficiente. Confira!

1 – Construa relações

A primeira coisa a ser feita quando pensamos em criar conexões relevantes para nosso networking é saber realmente com quem poderemos contar. Sendo assim, a primeira ação é criar uma lista de contatos e avaliar qual o grau de afinidade e proximidade com eles, tanto pelo aspecto profissional quanto pessoal.

É importante ressaltar que, para se criar um networking que funcione, precisamos investir tempo na construção de relações sólidas. Na realidade, quando o profissional tem uma boa base de contatos, ele não precisa ser perfeito em tudo, sempre haverá alguém que poderá indicá-lo para algo que é capaz de realizar.

2 – Conheça novos lugares

Se a ideia é construir relações que possam contribuir em termos profissionais, precisamos ir atrás delas. Nesse sentido, é importante que o profissional procure conhecer novos lugares para aumentar as chances de inflar sua rede de contatos. Reuniões, workshops, palestras e congressos não são os únicos lugares onde podemos construir o networking.

O parque onde você faz sua corrida de lazer, o teatro que costuma frequentar ou, até mesmo, o bar em que se distrai. Todos os lugares e qualquer momento podem estabelecer novas relações.

3 – LinkedIn

Não é possível falar sobre a construção de um networking que funcione sem citar a importância do LinkedIn. Atualmente, qualquer profissional precisa ter um perfil nessa rede, que é a maior rede social para profissionais.

O LinkedIn é um ótimo lugar para mostrar as habilidades pessoais e experiências. Além disso, é possível encontrar de forma segmentada outros profissionais que tenham interesses em comum. Dados como cursos de especialização, currículos e certificações também podem ser divulgados no perfil pessoal.

Por outro lado, o ponto-chave é que, não basta apenas criar uma conta e acreditar que a rede social fará tudo sozinha. O perfil deve ser ativo e sempre atualizado para que o profissional não corra o risco de perder novas oportunidades no mercado de trabalho!

4 – Seja atencioso

Na hora de construir conexões profissionais existem vários aspectos pessoais que também contam pontos, como os cuidados e atenção que são dirigidos a outra pessoa. Essas atitudes influenciam significativamente no nível de confiança que se estabelecerá.

5 – Interaja, mas não seja inconveniente

Não raro, encontramos pessoas que sentem muita vergonha quando precisam conhecer alguém. Porém, não existe outro caminho. Ou seja, a timidez deve ser vencida se o objetivo for desenvolver uma rede de contatos eficiente. Faça parte de feiras, eventos e tudo o mais que puder e que venha contribuir para esse objetivo.

Por outro lado, não podemos esquecer de que devemos sempre agir de forma sutil, educada e elegante. Do contrário, a única coisa que conseguiremos será fazer com que as pessoas se afastem. É preciso cuidado.

6 – Mude sua rotina

Anteriormente, apontamos que é possível fazer um bom networking em diversos lugares e situações. Agora, é interessante que esse hábito seja incorporado à sua rotina. Fazer isso tem um motivo especial: tornará a prática de construir conexões mais fácil e mais natural para você.

7 – Desenvolva características fundamentais

Todos nós temos características que nos permitem algum nível de destaque em determinadas situações. Entretanto, devemos nos lembrar de sempre cultivar e desenvolver outras que ainda não temos. Por exemplo, capacidade de liderança, objetividade, visão, disciplina, flexibilidade, educação, generosidade, empatia, ética e respeito.

8 – Trabalhe sua imagem

O networking aumenta as chances de você ser visto. Além disso, ajuda a fazer com que as pessoas se recordem de suas qualidades e habilidades profissionais. Para ampliar ainda mais esse potencial, é fundamental que a nossa imagem seja compatível. Quanto mais cuidarmos de nossa apresentação pessoal e de nossa reputação, melhores serão as chances. Afinal, as pessoas costuma indicar quem elas gostam ou simpatizam!

9 – Mensure sua rede

É interessante que você crie uma lista daquelas pessoas que você conhece ou se lembra. Depois, priorize criar e cultivar uma relação com aqueles que apresentem mais chances de ajudá-lo. Tudo bem que fazer isso pode ser um pouco demorado, mas é essencial.

Aliás, nada de guardar tudo na memória. A tecnologia está aí para facilitar nossa vida. Uma boa dica é usar aplicativos para guardar esses contatos, entre outras informações que possam ser uteis.

10 – Amplie seu mundo

Ampliar o mundo aqui é no sentido de trabalhar para ser mais participativo e curioso. Seja aberto a novidades e à interação com outras pessoas. Quem sabe, você encontrará oportunidades para criar novas amizades!

Uma dica interessante é perguntar sobre as ideias da pessoa ou em que projetos ela anda trabalhando. Aliás, colocar-se à disposição para ajudar, caso seja necessário, é uma ótima maneira de fazer com que o outro comece a nos considerar com olhos mais positivos.

Como vimos até aqui, criar e manter um networking exige uma série de cuidados e ações. Porém, há algo que nunca pode ser deixado de lado nesse assunto: manter seu networking ativo!

Ao conquistar sua lista de contatos procure sempre manter uma relação produtiva e frequente com eles. Não há nada de errado em enviar uma mensagem de aniversário, dar os parabéns pela conquista de uma promoção ou a realização de um projeto.

Por fim, não se esqueça de ficar atento a quem está ao seu lado. Muitas vezes, imaginamos que o networking só funciona com quem está um pouco distante quando, na realidade, a saída e o auxílio podem vir de uma simples conversa com um amigo de faculdade. Tenha em mente que mais importante do que ter contatos influentes, é ser um. Então, procure fazer a diferença para sua rede, com certeza se lembrarão de você!

Gostou de saber mais sobre como criar um networking relevante? O Clube Sebrae também é um canal para conhecer outros profissionais e expandir sua rede de contatos. Aproveite e deixe seu comentário!

Clube Sebrae
Denisson Soares
Denisson Soares Seguir

Analista de Produção de Conteúdo. Atua no mercado de Marketing de Conteúdo e Inbound Marketing. Acompanha de perto tudo que acontece no mundo da tecnologia. Entusiasta de ideias inovadoras que ampliam os horizontes e as possibilidades das empresas.

Ler matéria completa
Indicados para você