[ editar artigo]

Onde um empreendedor pode obter crédito?

Onde um empreendedor pode obter crédito?

Na hora de solicitar crédito para a sua empresa crescer, pagar uma dívida ou obter um capital de giro, a escolha da instituição financeira é um dos passos mais importantes durante o processo. Existem diversas opções no mercado que possuem linhas para apoiar o desenvolvimento de negócios dos mais diversos tamanhos e segmentos.

Cada banco, instituição financeira e cooperativa possui os próprios critérios de aprovação de crédito. É preciso conhecer bem as características da própria empresa, sua capacidade financeira para então verificar se eles atendem aos requisitos do credor.

Isso é importante pois conhecer as próprias capacidades pode evitar que a empresa acabe passando por dificuldades ao não poder pagar um crédito muito grande, com juros altos ou prazo curto demais. Neste artigo vou apresentar 5 alternativas para você obter crédito para o seu negócio.

Bancos públicos

Por conta da estabilidade dessas instituições, muitas vezes elas se tornam a primeira opção de muitos empresários. Afinal de contas, na hora de tomar um dinheiro emprestado é importante levar em conta a credibilidade do banco perante o mercado e também há quanto tempo eles existem.

As principais instituições bancárias nacionais possuem diversas linhas de crédito para empresários. Elas englobam as principais necessidades como capital de giro, atividade rural, comércio exterior e linhas especiais para pequenos empresários.

Por serem bancos de alcance nacional eles possuem diversos produtos voltados para muitas realidades dos empreendedores brasileiros e acabam sendo boas alternativas para quem precisa de crédito.

Bancos de desenvolvimento

São instituições bancárias voltadas para empresas, investidores e empreendedores. São geralmente controladas por governos e tem como objetivo desenvolver a economia de determinada região.

Geralmente possuem características muito parecidas com os bancos públicos, mas são focadas nas necessidades das empresas dos mais variados portes.

É muito comum associar estes bancos com grandes empresas e investimentos milionários, mas eles não atendem apenas este público. Alguns possuem serviços especiais para pequenas empresas e até disponibilizam crédito para pessoas físicas que desejam empreender e desenvolver um negócio próprio.

Pessoas que desejam comprar equipamentos, veículos e investir em infraestrutura podem também contar com as linhas de crédito dessas instituições.

Bancos privados

Neste setor existem diversas opções para quem precisa obter crédito, por isso é preciso muita atenção. Para se tornarem competitivos no mercado, esses bancos acabam oferecendo uma gama de produtos muito grande para empresas.

Os juros são importantes, mas é preciso ficar atento aos valores e taxas cobrados em cada transação financeira. Muitas vezes o empreendedor é seduzido por juros menores, mas acaba pagando um valor muito maior em taxas que deixam o crédito caro demais.

Para conseguirem atrair mais clientes alguns bancos oferecem vantagens em outros serviços para os clientes. Melhores benefícios na conta de pessoa jurídica, cartões com limites maiores e prazos extendidos são algumas das práticas dos bancos privados para chamar a atenção.

Por isso ao solicitar uma linha de crédito em um deles, converse com o gerente para ver se não é possível conseguir mais vantagens durante a negociação.

Instituições de microcrédito

São instituições financeiras voltadas para pequenos empreendedores. Geralmente possuem linhas mais voltadas para capital de giro e investimentos menores. Por isso, em geral, acabam disponibilizando valores inferiores para os clientes em comparação com outros agentes de crédito.

Por serem voltadas para um nicho elas possuem condições especiais para empresas desse porte. Portanto acabam sendo atrativas para quem possui menor capacidade financeira.

Elas também costumam oferecer os mesmos serviços que as outras instituições bancárias e muitas vezes são ligadas à bancos privados, públicos ou cooperativas de crédito.

Cooperativas financeiras

Estas instituições são bem conhecidas dos empreendedores. Possuem algumas características parecidas com a dos bancos privados. Na maioria dos casos elas têm uma atuação regional e agem mais como parceiros do que como financiadores.

Empresas que solicitam crédito para uma cooperativa acabam tendo algum tipo de participação nela. O grau de envolvimento do empreendedor com a cooperativa varia de acordo com cada caso. Elas possuem diversos serviços que vão de investimentos em estrutura e capital de giro até créditos especiais para emergências.

Independente da instituição que você escolha é preciso ter atenção em alguns fatores. Juros, taxas, condições de pagamento devem ser observados e analisados com cuidado antes de contratar uma linha de crédito.

Pesquisar bastante, tirar dúvidas e consultar outros empreendedores que já passaram por uma situação parecida com a sua são ações muito importantes para tomar a melhor decisão e não comprometer a saúde da sua empresa.

Para conhecer outras pessoas com a mesma realidade que você basta fazer parte do Clube Sebrae. É de graça e você fica por dentro das principais tendências e assuntos que importam para você. Faça seu cadastro e continue navegando!

Clube Sebrae
Flávio Locatelli
Flávio Locatelli Seguir

Consultor Financeiro - Sebrae/PR

Ler matéria completa
Indicados para você