[ editar artigo]

Quero abrir minha própria empresa: quais passos devo seguir?

Quero abrir minha própria empresa: quais passos devo seguir?

Se você tem o sonho de abrir sua própria empresa, é importante você entender como funciona a legislação para pequenas e médias empresas em nosso país. Os pequenos negócios empresariais são formados pelas micro e pequenas empresas (MPE) e pelos microempreendedores individuais (MEI). No Brasil, existem 6,4 milhões de estabelecimentos. Desse total, 99% são micro e pequenas empresas (MPE), sendo que as MPEs respondem por 52% dos empregos com carteira assinada no setor privado (16,1 milhões).

Agora que você já conhece a importância das pequenas empresas para a economia no Brasil, talvez fique a dúvida:

  • Como entrar nesse universo e me diferenciar? Como não ser apenas mais um no mercado?
  • Qual o passo a passo necessário para abrir minha própria empresa com segurança?
  • Quais os principais motivos que levam uma empresa a ter sucesso ou não dar certo?

Para responder os questionamentos acima e lhe ajudar a abrir sua empresa de forma mais segura, confira as dicas a seguir.

10 Dicas de Sucesso para Abrir sua Empresa

 

1.Seja, de fato, um Empreendedor

Por que eu usei o termo de fato? Existem diversas definições sobre o que é um Empreendedor e vou arriscar dar a minha própria definição:

Empreendedor é aquele que identifica uma oportunidade de negócio, desenvolve e modela formas para aproveitar esta oportunidade e utiliza-se de seus comportamentos, ferramentas e atitudes para concretizar aquilo que planejou e ter resultados.

Ao contrário do que é falado por aí, o empreendedorismo vai muito além de ter ideias. O empreendedor identifica oportunidades, vai lá e faz acontecer.

 

2.Tenha atitudes de um Empreendedor de Sucesso

Existem diversas características que permitem ao empreendedor alcançar o sucesso no mundo dos negócios, sendo que elas características podem variar de acordo com o segmento de atuação da empresa, mas, destaco a seguir algumas características que são importantes para você utilizar e desenvolver:

  • Sonhar grande e sonhar pequeno dá o mesmo trabalho. Desta forma, empreendedores de sucesso sempre sonham grande e transformam estes sonhos em objetivos e metas a serem atingidos, sempre buscam oportunidades e possuem pró-atividade para utilizar recursos necessários para concretizar aquilo que inicialmente era apenas um sonho, agindo sempre de forma planejada, monitorada e sistemática.
  • Ter brilho nos olhos e ter paixão pelo que faz e sempre enxergar o lado positivo de cada situação. Duvido que você já tenha encontrado um empreendedor de sucesso pessimista, afinal, enquanto alguns choram outros vendem lenço.
  • Inovar, os empreendedores de sucesso são inquietos por natureza e sabem que devem diferenciar o sua empresa da concorrência para se manterem competitivos e atrativos para os clientes, principalmente porque é muito difícil conseguir abrir algum tipo de negócio que já não exista concorrência no mercado.
  • Independência e autoconfiança para tornar realidade aquilo que desejam, ou seja, empreendedores de sucesso possuem auto responsabilidade e plena ciência que são 100% responsáveis por suas atitudes e resultados, não culpando ninguém pelos resultados negativos quando acontecem.
  • Apesar de sua independência, o empreendedor de sucesso sabe que precisa também desenvolver a arte de persuadir e desenvolver sua rede de contatos. Ele sabe que é impossível fazer tudo sozinho e que deve possuir próximo dele uma rede de contatos que o ajude na conquista de seus objetivos e metas, seja por meio de troca de informações, experiências, conhecimento ou intermediações para conhecer pessoas chave para a realização de negócios.
  • Ser resiliente é uma das características mais exigidas na atualidade, principalmente em momentos de crise econômica e na fase inicial da empresa, em que tudo faz parte do processo de desenvolvimento e o mercado apresenta muita volatilidade. Outro dado de extrema importância é que diversos empreendedores quebram, no mínimo, três vezes antes de alcançar o sucesso, ou seja, utilizam as pedras no caminho como escada e não obstáculos rumo ao alcance do sucesso nos negócios.
  • Profissionalismo na gestão dos negócios, pois empreendedores de sucesso sabem que é necessário treinamento e desenvolvimento contínuo de si próprio e da sua equipe para, desta forma, ter uma equipe de alta performance para fazer tudo com excelência e qualidade.
  • Coragem para correr riscos calculados é, talvez, uma das atitudes mais difíceis para quem pensa em abrir uma empresa. Afinal, por mais que você planeje tudo, ainda assim não será possível reduzir as incertezas e chances de insucesso a zero, ou seja, você precisará de uma dose extra de ousadia para empreender porque você encontrará muitas adversidades.
  • Comprometimento com resultados, afinal a empresa é sua, mesmo que você seja um franquiado de uma marca, precisa ter disposição para trabalhar duro e servir a sua equipe. Você até pode ser dono do negócio, ter flexibilidade na jornada de trabalho, autonomia, fazer o que quiser, mas você ainda terá dois patrões; o Cliente e a sua Equipe, cuide bem deles para ter bons resultados e não ser demitido do mercado.

 O SEBRAE pode lhe ajudar no desenvolvimento de comportamentos empreendedores. Caso tenha interesse em fortalecer suas habilidades empreendedoras que eu citei acima, veja esse vídeo que explica melhor o Empretec.

 

3.Descubra os fatores chave para o sucesso do seu negócio

De acordo com pesquisa realizada pelo SEBRAE, as 3 principais causas de fechamento de empresas no Brasil são: ausência de planejamento prévio, gestão empresarial deficiente e comportamento empreendedor não desenvolvido. Por meio da pesquisa de mercado, descubra quais são os fatores chave para o sucesso do seu negócio (preço, qualidade, formas e prazos de pagamento, atendimento, acessibilidade, etc), além de ficar atento naquilo que expliquei no item anterior sobre as características dos empreendedores de sucesso.

 

4.Conheça o mercado em que irá atuar

Agora que você já sabe o que é empreender, como ter sucesso em seu futuro negócio e tem certeza que deseja e pode ser um empreendedor, a escolha do segmento pode estar relacionada ao que você gosta de fazer, às suas experiências, à sua formação acadêmica, etc. Seja qual for o motivo de determinado segmento, é importante que você conheça o mercado em que atuará por meio de uma pesquisa de mercado, na qual você deverá investigar sobre as tendências do setor, perfil dos clientes, modelo de negócio da concorrência, potenciais fornecedores, legislação, normas e padrões a serem seguidos, saiba mais assistindo o vídeo abaixo.

 

5.Modele o seu negócio de forma inovadora e destaque-se no mercado

A melhor ferramenta para lhe ajudar nesta missão é a metodologia Canvas, que te auxiliará a modelar o seu futuro negócio de forma inovadora e visual, de tal forma que você consiga identificar, criar e oferecer a melhor proposta de valor ao seu cliente. Saiba mais sobre o Modelo de Negócios assistindo o vídeo abaixo e/ou procure informações sobre o curso Começar bem - transforme sua ideia em modelo de negócios no SEBRAE mais próximo de você.

 

6.Faça seu Plano de Negócios e verifique a sua viabilidade financeira

Após finalizar seu modelo de negócio, é chegada a hora de detalhar todas as informações da sua futura empresa e, principalmente, verificar se o modelo é viável financeiramente, ou seja, se dará o retorno sobre o investimento no valor e prazo que você deseja. Para lhe ajudar nesta verificação de viabilidade financeira minha sugestão é que você elabore um plano de negócios, sendo que nele você deverá também definir: setor/segmento da empresa, forma jurídica (Empresário Individual, MEI, Sociedade Empresarial, EIRELI, etc), porte da empresa (MEI, ME, EPP ou outras), enquadramento tributário (SIMPLES, Lucro Real ou Lucro Presumido), capital social, fonte de recursos (próprio e/ou de terceiros), plano de marketing, plano operacional, plano financeiro e construir cenários (pessimista, realista e otimista). Conheça a Cartilha Como elaborar um Plano de Negócios que o SEBRAE criou especialmente para lhe ajudar a planejar a sua futura empresa.

 

7.Saiba onde pode obter crédito

Caso você tenha verificado que precisará de crédito de terceiros para investir em sua futura empresa (capital de giro, investimento fixo ou misto), é importante que tenha definido de forma clara e consistente em seu plano de negócio qual o valor total necessário para empréstimo, valor da parcela mensal que sua empresa tem capacidade para pagar que não prejudique seu capital de giro, além de qual o prazo necessário para liquidar a dívida e qual será o valor de retorno sobre o investimento. Assim como a contratação de qualquer outro serviço e/ou produto, é importante pesquisar as ofertas disponíveis no mercado e contratar aquela que melhor atenda às suas necessidades, como por exemplo, no Estado de São Paulo, atualmente existe o Banco do Povo Paulista que tem ofertado taxa de juros de 0,35% ao mês e limites de até R$20.000,00 de empréstimo e até 36 meses de prazo para pagamento da dívida.

 

8.Saiba como escolher um sócio

Caso você seja uma micro ou pequena empresa e tenha optado por ter um sócio em seu negócio, seja por necessidade de investimento ou para complementar com experiência, conhecimento no segmento de atuação, habilidades, etc, seja qual for o motivo, é importante escolher alguém que tenha visão de negócios, valores e objetivos similares aos seus. Além disso, é importante que seja uma pessoa que saiba dialogar e que seja flexível pois, desta forma, será possível alinhar as expectativas de vocês para tocar o negócio de forma que o relacionamento seja saudável e sustentável a longo prazo.

 

9.Saiba o que é melhor para você: abrir uma franquia ou criar seu próprio negócio

Não existe decisão melhor ou pior entre ser um franqueado de uma marca ou criar seu próprio negócio do zero. A melhor decisão é escolher fazer aquilo que você goste e te faça feliz, que esteja alinhado com seus conhecimentos, habilidades, atitudes, valores e expectativas, porém, se você tiver um perfil empreendedor muito arrojado pode sentir-se preso às limitações contratuais da franquia.

Agora, se escolheu adquirir uma franquia, dentre as vantagens que pode encontrar estão: a possibilidade de iniciar um negócio contando com a credibilidade de um nome ou marca já conhecida no mercado, contar com o apoio, experiência e conhecimento do franqueador sobre o segmento de clientes, suas necessidades e o modo de operacionalizar a empresa, existência de um modelo/plano de negócios pronto e validado, economia de escala como, por exemplo, os custos de propaganda que são rateados entre os franqueados da rede. Mesmo com as vantagens apresentadas anteriormente, aqueles que desejam adquirir uma franquia devem ficar atentos a alguns pontos essenciais, tais como: escolher uma franquia que se adeque ao seu perfil, planejar todo investimento necessário para abrir o novo negócio, analisar seus custos e despesas, entender como funciona o sistema de franquia (royalty, COF, contrato, taxas, fundo de propaganda, etc), analisar e mapear o mercado onde quer investir e consultar os atuais franqueados para saber o que estão achando da franquia.

 

10.Saiba quem pode te ajudar e onde buscar orientação para abrir seu futuro negócio

Antes de abrir um negócio você pode e deve buscar apoio e orientação como, por exemplo, do SEBRAE. uma entidade privada sem fins lucrativos, que tem como um de seus objetivos o apoio e a orientação aos pequenos negócios no Brasil, acesse o site www.sebrae.com.br e encontre a unidade mais próxima de você. Além disso, você pode conversar com outros empreendedores experientes e de sucesso para darem dicas e sugestões que possam lhe ajudar. É importante também que você sempre busque informações em órgãos públicos, principalmente prefeitura local onde será instalado seu futuro negócio, no intuito de verificar a legislação vigente para o segmento que você atuará, lei de zoneamento e licenças necessárias (Bombeiros, Vigilância Sanitária, CETESB, etc). Outra dica é acompanhar os artigos aqui do Clube Sebrae para ser um empreendedor ligado nas tendências.

Siga essas 10 dicas que foram apresentadas, abra a sua empresa com segurança, garanta o sucesso de seu futuro negócio e lembre-se: mesmo que você tenha boas ideias, muito dinheiro e/ou pós-graduação e gestão de negócios, o sucesso da sua empresa não estará garantido. Tenha autoconhecimento sobre suas habilidades, atitudes e o que te faz feliz para utilizar a seu favor, além de buscar ter fome insaciável de aprender e se desenvolver continuamente.

Clube Sebrae
Rafael Souza
Rafael Souza Seguir

Analista de Negócios e Palestrante do Sebrae-SP no Escritório Regional de São José dos Campos, Empreteco, Agente Local de Inovação, formado em TI, especialista em Gestão de Pessoas e em Gestão Estratégica de Negócios.

Ler matéria completa
Indicados para você