Reposicionamento estratégico de uma indústria de iogurtes coloniais
[editar artigo]

Reposicionamento estratégico de uma indústria de iogurtes coloniais

A Salubi é uma empresa de pequeno porte, dedicada à fabricação de iogurtes, localizada no Norte Catarinense e que está no mercado há mais de 20 anos. Seu principal produto eram os iogurtes coloniais, embalados em garrafa PET de 2 litros (tamanho família).

A empresa atuava principalmente no ramo de micro franquias, com vendedores porta a porta, atingindo vários clientes no estado de Santa Catarina. Com o tempo, esse formato de negócio foi ligeiramente alterado. A empresa passou a atender diretamente mercados e minimercados. Ainda que mudanças como essas tenham melhorado o desempenho da empresa, por não possuir uma estrutura robusta, algumas áreas importantes foram deixadas em segundo plano como, por exemplo, o setor de marketing.

Um pouco do perfil da Salubi

Os proprietários da Salubi sempre se preocuparam em criar o melhor produto possível, com foco na qualidade daquilo que entregam e satisfação do consumidor.

Além disso, a gerência da Salubi possui uma abertura fenomenal a novas ideias. Constantemente busca se desenvolver, participando de workshops e cursos promovidos pelo SEBRAE, participando do Programa Agente Local de Inovação, marcando presença em feiras e eventos, e discutindo o aprendizado obtido por leituras na área de administração/empreendedorismo.

Como a gestão da empresa vem atuando de forma proativa, algumas mudanças naturalmente estão acontecendo. Essas transformações aconteceram tanto em produto quanto na maneira de gerenciar.

Com uma mudança na organização interna de empresa, algumas responsabilidades foram divididas. Agora existe um ramo da empresa que tem o objetivo de prosseguir com as atividades, e outro para induzir seu crescimento.

A mudança estratégica: do tradicional ao moderno

Pensando nesse crescimento, a empresa procurou atender ao segmento de clientes mais preocupados com saúde e bem-estar. A partir daí, surgiu o interesse em criar uma nova linha de produtos, uma linha Premium, com um produto ainda superior para clientes que precisam de praticidade para amenizar as atribulações do cotidiano.

Para conseguir colocar esse projeto em prática foi preciso contratar uma empresa de marketing, que permitisse reconhecer os clientes, analisar o mercado e definir a maneira de se inserir nesse novo nicho. Com um novo público-alvo, foi preciso apresentar uma nova empresa à sociedade, porque uma empresa com marca colonial, de uma cidade pequena, dificilmente conseguiria se inserir com sucesso no novo segmento de mercado.

Os antigos iogurtes, na garrafa PET, de 2 litros ainda fazem parte do portfólio (por existir um vínculo dos clientes com a antiga marca), mas, com o novo produto, surgiu uma nova proposta de empresa. A nova marca da empresa estampa os rótulos dos sabores oferecidos na linha Premium, e em breve estará nas embalagens PET também.

O produto Premium – mais cremoso, com mais pedaços de fruta – apresentado em garrafinhas de vidro de 250g, é inédito para o segmento iogurtes e, por isso, representa uma grande novidade no mercado.

De forma complementar, a divulgação fora realizada nas mídias sociais da empresa e plotagem foram apresentadas nos automóveis de transporte dos produtos. A nova identidade desvincula a empresa de seu ar colonial e a transfere para o patamar de empresa moderna, próxima de seus novos clientes.

Com essa nova linha de produtos, a empresa já conseguiu parceria para a distribuição da sua linha Premium em uma grande rede de supermercados de Santa Catarina, além de aumentar a linha de produtos oferecidos nos estabelecimentos que antes já eram atendidos.

Um dos aspectos mais importantes da experiência da Salubi, é que a empresa foi atrás do conhecimento. Eles sabiam que era preciso de pessoas que entendessem os seus clientes e a maneira de chegar até eles. A consultoria de marketing trouxe uma expertise essencial para o sucesso do projeto. Para realizar mudanças radicais, como foi feita pela Salubi, é preciso de gente que entenda o que está fazendo, para o “tiro não sair pela culatra”.

Clube Sebrae
Luis Gustavo Baron
Luis Gustavo Baron Seguir

ALI - SEBRAE

Continue lendo
Indicados para você