[ editar artigo]

Sebraetec ajuda a encantar os hóspedes em Ponta Grossa

Sebraetec ajuda a encantar os hóspedes em Ponta Grossa

No centro de Ponta Grossa desde 1941, o Hotel Planalto já virou referência nos Campos Gerais. No início dos anos 1970, a família de Daniel Wagner assumiu a administração e, há 17 anos, ele está à frente do empreendimento. Desde então, o empresário busca soluções para modernizar e melhorar os serviços oferecidos.

A demanda fez com que ele procurasse uma consultoria específica na área de alimentos para poder adequarse às normas vigentes.

Para adaptar-se à ABNT 15.635, que regulamenta os serviços de alimentação, requisitos de boas práticas higiênico-sanitárias, além de controles operacionais essenciais, foi necessário um trabalho especializado, intermediado pelo Sebraetec.

Quem se ajusta a essa norma, ganha certificação concedida pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e pôde garantir ao cliente produtos de qualidade, livres de contaminações. O Hotel Planalto conseguiu dar esse passo: em abril do ano passado era o primeiro da cidade e do Paraná a conquistar a certificação, configurando num seleto grupo de apenas 35 empresas certificadas pela ABNT no Brasil.

Wagner conta que essa adequação era uma necessidade, além de um planejamento, da empresa, que está de olho no futuro e no crescimento do hotel. A demanda dos serviços alimentícios aconteceu naturalmente. Há alguns anos, o hotel oferecia apenas café da manhã para quem estava hospedado e posteriormente passou a oferecer também serviço de quarto e depois almoço, com buffet, para hóspedes e para o público em geral.

Com o aumento da demanda, foi necessário profissionalizar ainda mais o serviço, para ser mais atrativo e garantir qualidade ao público. Adequar-se à legislação era uma necessidade. O trabalho garante que todas as normas sejam cumpridas e certifica a produção de alimentos seguros, o que dá segurança também à empresa.

O empresário afirma que com a adequação à ABTN foi possível ganhar mais destaque e virar referência no setor. A consultoria do Sebratec, revela, foi fundamental para dar ainda mais agilidade ao processo. Depois da adequação, o empresário está pensando na ampliação da empresa. “Já estamos fazendo um projeto de ampliação, com mais quartos e consequentemente, aumentando os serviços de alimentação”, comemora.

Clube Sebrae
Katia Michelle
Katia Michelle Seguir

Jornalista - freelancer

Ler matéria completa
Indicados para você