[ editar artigo]

Como ajudar seus clientes por meio do marketing de conteúdo

Como ajudar seus clientes por meio do marketing de conteúdo

Inteligência artificial, realidade virtual, conexão 24 horas… Em um mundo cercado de tecnologia, existe um fator no relacionamento entre empresas e consumidores que se mantém intacto: os clientes ainda precisam de ajuda para resolver problemas e suprir necessidades!

A diferença é que agora eles podem recorrer a outras fontes de informação, como o Google, as redes sociais, os sites de avaliação, os blogs etc. E é por isso que uma das ferramentas de comunicação mais importantes para as empresas atualmente é o marketing de conteúdo.

O que é o marketing de conteúdo?

É uma estratégia de marketing que se baseia na divulgação de informações relevantes para um determinado público para atrair, conquistar e fidelizar clientes.

A seguir, conheça um caso que mostra como o marketing de conteúdo funciona na prática, entenda os benefícios dessa ferramenta para a sua empresa e saiba como utilizá-la no seu dia a dia.

Investindo no sucesso do cliente

Se você está se perguntando por que deveria investir no desenvolvimento de conteúdo para o seu público, basta pensar em como a satisfação dos seus clientes é importante para sua marca. Como aponta Wesley Alves, gestor de marketing da Gazin Atacado, “o nosso sucesso depende do sucesso dos nossos clientes. É uma questão de sobrevivência”.

Alves destaca que, ao conversar com seus clientes – lojistas de médio e pequeno porte –, a Gazin percebeu que as principais dificuldades deles estavam relacionadas à gestão do empreendimento. “Nossos clientes são empreendedores por instinto, a maioria deles não tem formação acadêmica. Notamos que eles não sabiam responder questões básicas de administração: qual o produto que mais vende, qual é o giro de pessoas na loja, como ele faz a gestão do estoque etc.”, comenta.

A partir daí a Gazin Atacado identificou a oportunidade de ajudar o cliente a administrar sua loja de forma mais eficiente.

Para isso, criaram uma série de estratégias de marketing de conteúdo com o objetivo de oferecer informações relevantes para os lojistas, mostrando como eles podem potencializar seus resultados por meio da profissionalização da gestão do negócio.

Hoje, a empresa conta com diferentes plataformas e serviços de conteúdos em que os lojistas podem adquirir mais conhecimento sobre: tendências do mercado, comportamento do consumidor, gestão, vendas, negociação, marketing, inovação, e-commerce etc.

Alves explica que, ao conseguir fazer uma gestão mais eficiente, os lojistas conseguirão vender mais e serão mais competitivos no mercado, fazendo frente com as grandes redes de varejo. Como consequência, aponta o gestor, eles vão acabar comprando mais da Gazin Atacado.

“Conseguimos fidelizar nosso cliente através desse trabalho. A gente ajuda ele a vender mais e ele com certeza vai lembrar da nossa empresa no momento que for fazer reposição dos produtos. Então, de certa forma, nossa marca está na mente do cliente o tempo todo através do conteúdo – não procuramos ele apenas na hora de vender”, salienta.

A estrutura de conteúdo da Gazin Atacado

Blog do Varejo

O Blog do Varejo é a base do trabalho de marketing de conteúdo da Gazin Atacado e reúne todos os materiais produzidos pela equipe editorial da empresa. Lá, são publicados textos, vídeos, slides, áudios, e-books e infográficos. Os conteúdos servem para o autodesenvolvimento do gestor da loja e também como material de treinamento para vendedores.

Gazin Atacado TV

No canal da Gazin Atacado no YouTube, há entrevistas com especialistas em diversas áreas, coberturas de eventos relacionados ao varejo, tutoriais e informações sobre os serviços Gazin e novidades sobre produtos.

Ebooks e Guias

Os e-books e guias reúnem dicas e informações sobre determinados assuntos de maneira mais aprofundada e prática. O objetivo é que os lojistas façam o download desses materiais e os utilizem nos treinamentos da equipe da loja. 

Newsletter

Quinzenalmente, os lojistas cadastrados recebem um resumo das publicações do Blog do Varejo. Além disso, esse é um importante canal em que a Gazin realiza pesquisas com os clientes para entender melhor suas necessidades.

Facebook e LinkedIn

A Gazin utiliza o conteúdo para marcar presença nas redes sociais mais relevantes para o seu público. Os conteúdos produzidos em outros canais são compartilhados no Facebook e LinkedIn, onde a marca também interage com os clientes.

Revista do Varejo e Catálogo Gazin

O Catálogo Gazin é uma publicação bimestral que, além de trazer ofertas, reúne dicas e informações sazonais de mercado (exemplo: dicas para o Dia das Mães, para São João etc.).

Já a Revista do Varejo é uma publicação bianual focada em conteúdos mais aprofundados, com entrevistas com especialista e dicas importantes sobre tendências e gestão no varejo.

As duas revistas são impressas e distribuídas entre os clientes Gazin Atacado.

Academia do Varejo

Essa é a plataforma de cursos online gratuitos da Gazin Atacado. Por meio dela, a empresa oferece treinamentos sobre gestão no varejo, vendas e também sobre produtos. Os lojistas podem fazer o curso pelo computador e/ou celular, recebem certificados e concorrem a premiações de acordo com os pontos que ganham durante as aulas.

Resultados do marketing de conteúdo

Wesley Alves destaca que é possível ver, na prática, os resultados alcançados por meio dessa estratégia de marketing de conteúdo.

Além do crescimento da empresa – que é impulsionado pelo sucesso dos clientes –, muitos clientes entram em contato para contar que as informações e dicas dos canais de conteúdo da Gazin os ajudam a vender mais. “Estamos sempre recebendo retornos e agradecimentos dizendo que o conteúdo está sendo útil. Muitas vezes, até dos nossos próprios vendedores, que utilizam as informações para se aproximar ainda mais dos clientes, enviando dicas via WhatsApp ou e-mail”, comenta.

De uma coisa ninguém duvida: por meio dessas ações, a Gazin está sempre na mente de seus clientes e prospects. A venda é consequência!

Marketing de conteúdo como ferramenta de engajamento

Em uma época em que os consumidores querem tirar o máximo proveito do seu tempo e buscam se relacionar com empresas que promovam experiências únicas (como aponta o Caderno de Tendências do Sebrae /PR), o conteúdo exerce um papel fundamental no engajamento entre marcas e seus públicos.

O conteúdo, como mostra o caso da Gazin Atacado, serve como uma ponte entre os clientes e a resolução dos problemas ou necessidades deles. Se essa estratégia for bem executada pela sua empresa, o consumidor irá encontrar sua marca no final da travessia.

E isso serve para empresas de qualquer segmento e porte. Existe sempre um problema ou necessidade do cliente que sua marca pode ajudar a resolver.

Que tipo de conteúdo produzir?

 

Para encontrar os temas ideais para formar o alicerce dessa ponte entre a empresa e seu público, é fundamental conhecer seus clientes e entender:

- O que eles buscam.

- Quais são suas principais dificuldades.

- Quais são suas preferências.

Reúna essas informações e avalie de que forma sua empresa pode contribuir para que o cliente supere os desafios que enfrenta, resolva os problemas que o afligem e alcance os objetivos traçados. Suas pautas nascerão desse trabalho.

3 lições da Gazin Atacado para você

1 – Escute seu cliente

A pesquisa com os clientes foi a base da estratégia de marketing de conteúdo da Gazin e foi o que fez a empresa identificar a oportunidade de ajudar seus clientes a evoluir na gestão de suas lojas. Não existe outra maneira de desenvolver conteúdo: é crucial saber o que seu consumidor tem a dizer.

Aí vão algumas maneiras de entender melhor seu público:

a) Faça uma pesquisa com os clientes – por e-mail, por telefone ou pessoalmente. Se você possui uma operação pequena, pode fazer isso internamente. Caso isso não seja viável, é interessante contratar empresas especializadas nesse tipo de levantamento. Algumas agências possuem serviços de desenvolvimento de personas – que nada mais são que perfis de clientes que reúnem as principais características do seu público.

b) Avalie os comentários dos consumidores nas redes sociais. Observe as colocações dos seus clientes nos perfis da sua marca e também o que as pessoas estão falando nas redes dos seus concorrentes. Se, por exemplo, você identificar que há uma reclamação recorrente do seu público, essa queixa pode ser o ponto de partida para o seu conteúdo.

c) Estude os feedbacks dos clientes no SAC. A área de serviço de atendimento ao cliente pode ser uma excelente fonte de inspiração para você entender melhor seus consumidores. Ao saber quais são os principais elogios e reclamações, você pode identificar necessidades e preferências do seu público.

d) Converse com a equipe comercial. Os vendedores estão em contato direto com o cliente diariamente. Eles com certeza terão informações valiosas que ajudarão a formar o perfil do seu público de forma mais precisa. 

Leia também: Formas para entender o seu cliente

2 – Foque no cliente

Conhecer o público e entender suas necessidades é o primeiro passo para o desenvolvimento de uma estratégia de marketing de conteúdo de sucesso. Na hora de efetivamente produzir as pautas, você deve ter em mente que o objetivo do conteúdo é ajudar o cliente, não vender. A venda é uma consequência.

“Um dos piores erros é produzir conteúdo de acordo com o interesse da organização, e não com o interesse do cliente. É claro que em tudo que você envia para o consumidor há a intenção de, no final, vender sua marca ou produto/serviço. Mas você tem que tentar casar as duas coisas: o interesse do cliente naquele momento e o que você tem para oferecer de acordo com a necessidade dele”, aconselha Wesley Alves, gestor de marketing da Gazin Atacado.  

3 – Vá além do conteúdo

O marketing de conteúdo é uma excelente ferramenta para atrair e conquistar novos clientes. Mas ele não funciona como uma ferramenta isolada. No caso da Gazin Atacado, além do conteúdo, a empresa oferece toda uma estrutura de apoio para que o cliente consiga colocar em prática as dicas e informações que ele recebe pelos canais da marca.

“A missão do nosso marketing é ajudar o cliente a vender. Eu vejo que muitas empresas se especializam nessa questão de produzir o conteúdo para engajar o público e conseguir novos leads, mas, depois que conseguem, não têm um tratamento adequado para o cliente”, alerta.

Alves completa dizendo que é fundamental fazer um alinhamento entre o marketing e a área comercial. Dessa forma, a empresa vai poder conquistar de verdade o cliente e continuar encantando ele em todas as etapas seguintes. “Tem que produzir o conteúdo, sim, mas esse é só o primeiro passo. Depois, o atendimento que é dado para o cliente tem que ser personalizado e especializado. Caso contrário, todo o trabalho do desenvolvimento de conteúdo vai ter sido em vão”, alerta.   

Dica final!

O marketing de conteúdo é uma das ferramentas que podem ajudar sua marca a se conectar com seu público. Mas assim como em todas as suas operações, é fundamental que o seu conteúdo esteja alinhado com a missão da sua empresa. O conteúdo deve transmitir os valores e as causas defendidas pela sua organização. Dessa forma, ele se torna mais do que uma estratégia de venda, mas um instrumento poderoso de fidelização do público e fortalecimento da marca.

Sucesso!

Leia também:

Marketing de Conteúdo: como marcas se tornam referência

Como criar conteúdo em vídeos para o YouTube de minha empresa?

Outras histórias

Gostou do que leu aqui e quer conhecer outras histórias de empresas que utilizam as macrotendências do momento para vender mais e conquistar clientes?

Acesse clubesebrae.com.br/sebrae-trends/, clique em “seguir” e acompanhe todas as novidades do Sebrae Trends, a sua ponte para um mundo de novas ideias e melhores resultados!

Veja também:

Como o coolhunting e a análise de tendências podem ajudar sua empresa a inovar

Como empresas podem ajudar a mudar o mundo

Vídeo: Os 6 sentidos e as decisões de compra

Quando todos se ajudam todos crescem

Um olhar sobre tendências direto da Alemanha

 

Clube Sebrae
Francine Pereira
Francine Pereira Seguir

Jornalista baseada em Tóquio (Japão) e caçadora de tendências do Sebrae Trends.

Ler matéria completa
Indicados para você