Como os consumidores escolhem marcas de mantimentos
[ editar artigo]

Como os consumidores escolhem marcas de mantimentos

Em meu último artigo, falei sobre a importância das mídias sociais no processo de decisão de compra e de escolha de marcas e apresentei dados de um estudo que revela o que as pessoas levam em consideração na hora de decidir de qual marca comprar itens de quatro segmentos:

  • Cosméticos
  • Mantimentos
  • Bebidas
  • Produtos de limpeza

Além disso, apresentei as principais descobertas da pesquisa no que diz respeito à compra de cosméticos e disse que continuaria o debate, falando sobre os fatores que influenciam a decisão de compra nos outros três mercados, em novos artigos.

Hoje, portanto, falarei sobre o que os pesquisadores da empresa de tecnologia Crimson Hexagon descobriram no que diz respeito ao processo de escolha de marcas de mantimentos. Depois que apresentar os dados da pesquisa, deixarei também algumas perguntas que podem ajudá-lo a debater essas questões em sua empresa – atuem vocês no mercado de mantimentos ou não. Vamos lá?

Leia também! Como os consumidores decidem de que marcas comprar

Mantimentos: escolhas alimentares baseadas em saúde e estilo de vida

A busca por uma vida mais saudável se reflete também nos hábitos de compra nos supermercados. Isso fica evidente quando as conversas sobre esse tema nas redes sociais são analisadas. Afinal, ali os consumidores compartilham suas preferências em relação aos alimentos que consomem.

Nesse sentido, é possível identificar que temas como veganismo, vegetarianismo e dietas sem glúten e/ou lactose têm estado cada vez mais alta, como revelam as descobertas do relatório A Social Media Analysis of Trends in the CPG Industry:

1 – Listas de compras são "discutidas" na web

O estudo identificou que os consumidores adoram falar sobre suas listas de compras nas redes sociais. Nesses canais, eles compartilham suas intenções de compra e suas dificuldades e necessidades em relação ao acesso a determinados mantimentos. O objetivo é ouvir a opinião dos amigos sobre o assunto e, assim, tomar melhores decisões.

Segundo o levantamento, entre os alimentos mais discutidos nas plataformas sociais, destacam-se:

  • Vegetais
  • Frutas
  • Frango (dado alinhado à tendência da diminuição no consumo de carne vermelha)

2 – A importância da família e a busca pelo lanche/almoço perfeito

Um dado interessante apontado pelo relatório é que geralmente a conversa nas redes sociais em relação às compras no supermercado gira em torno das necessidades da família.

Entre os membros mais importantes na discussão sobre a alimentação estão a mãe (em primeiro lugar) e o pai (em segundo).

No que se refere aos temas discutidos, dois assuntos ficam em evidência: o lanche das crianças na escola e o almoço dos pais no trabalho.

O que se fala sobre lanches na escola:

  • Como preparar um lanche saudável para a escola.
  • Lanches dentro do orçamento.
  • Comprar snacks para complementar o lanche das crianças.
  • Alergias das crianças e a decisão do que fazer para o lanche.

O que se fala sobre o almoço no trabalho:

  • Ingredientes para receitas.
  • Recipientes para levar almoço.
  • A importância de preparar refeições antecipadamente.

3 – Restrições alimentares influenciam decisões de compras

Nunca tivemos tanto acesso a informações sobre o que comer, o que não comer, o que faz bem e o que faz mal. Essas questões influenciam não só os hábitos alimentares dos consumidores, como também suas decisões de compra nos supermercados.

Nesse sentido, as conversas nas redes sociais giram em torno de preocupações com a saúde e da busca por uma alimentação mais saudável. Essa movimentação traz à tona tendências como as dietas vegetariana, vegana, glúten free e sem lactose.

De acordo com o relatório, entre essas tendências a que se destaca é a glúten free – ocupando a maioria dos debates sobre alimentação nas redes sociais. Entre os tópicos abordados em relação a esse tema, assuntos como “doença celíaca” e “alergias” estão entre os mais debatidos.

No entanto, o estudo identificou que cada vez mais os consumidores têm escolhido consumir alimentos sem glúten ou sem lactose por uma questão de estilo de vida, e não por conta de alergias ou restrições alimentares.

Leia também: As lições da “marca sem marca” para o seu negócio

E agora?

Assim como falei no artigo em que apresentei os fatores que pesam na decisão de compra de cosméticos, esses dados servem como excelente ponto de partida para reuniões internas na sua empresa.

Refletir sobre a jornada de compra de seus consumidores, sobre as preferências e necessidades deles e sobre o que sua empresa pode fazer para ter mais chances de ser a escolhida do seu público-alvo é essencial para garantir não apenas o sucesso hoje, mas principalmente amanhã e sempre.

Sabendo disso, apresento a seguir algumas perguntas que podem ser suas aliadas nessas reuniões. Use-as como base para construir o seu roteiro de debate!

Para empresas que atuam no mercado de mantimentos:

  • Nossos produtos estão alinhados a essas preferências?
  • Se não, o que é possível fazer para adequá-los?
  • O que nossos clientes pensam sobre tudo isso?
  • Como podemos descobrir quais são as preferências e necessidades dos nossos clientes e prospects?
  • O que podemos fazer para incluir nossos consumidores no processo de desenvolvimento de produtos alinhados ao que eles buscam e desejam?
  • Quem são os decisores de compra em nosso mercado? Em quem são os influenciadores?
  • Como devemos lidar com esses dois grupos para garantir que eles desejem comprar nossos produtos e que tenham uma experiência memorável com a nossa marca?

Para empresas de outros mercados:

  • Como podemos adaptar essas preocupações ao nosso mercado?
  • Quais são os valores, os princípios e as preocupações comuns aos nossos clientes?
  • Nossos produtos, serviços e soluções estão alinhados a tudo isso?
  • Se não, o que podemos fazer para mudar esse cenário?

Agora, é com você! Bom trabalho!

Você vai descobrir no próximo artigo...

Como os consumidores escolhem marcas de bebidas. Aguarde!

Saiba mais

Para ter acesso a mais informações e dados sobre tendências de consumo, veja também:

Sua ponte para um mundo de histórias inspiradoras e boas ideias para o seu negócio

Fique por dentro das principais tendências seguindo o grupo Sebrae Trends. Para isso, basta clicar aqui.

Clube Sebrae
Francine Pereira
Francine Pereira Seguir

Jornalista baseada em Tóquio (Japão) e caçadora de tendências do Sebrae Trends.

Continue lendo
Indicados para você